Como organizar a sua vida financeira

Fala galera que quer ficar rica! pensando em como organizar minhas finanças lembrei de um livro que eu comprei na bienal do livro, no Rio de Janeiro. O livro é o “Como organizar a sua vida financeira“, que, por motivos óbvios, chamou minha atenção na época.

O autor do livro é o aclamado consultor financeiro Gustavo Cerbasi, o cara é formado em um monte de coisas por instituições consagradas, como a USP, e tem diversos livros sobre saúde financeira.

Bom vamos ao que interessa. A leitura do primeiro capitulo já me deixou completamente alarmado sobre minha administração de patrimônio e sobre diversos conceitos que, pelo menos agora, vejo que deveriam ser ensinados pra gente desde a infância. vamos a eles!

Você sabe se está em equilíbrio?

Para conseguirmos determinar nossa situação financeira é preciso responder algumas perguntas e ter em mãos algumas informações básicas sobre suas finanças, lembrando que estar equilibrado financeiramente não significa pagar todas as contas do mês.

Qual a sua idade?

Qual a idade prevista para a sua aposentadoria?

Qual é o prazo para a sua aposentadoria em anos?

Qual é a sua renda média mensal?

Qual é o gasto médio mensal de sua família (se você morar com alguém)?

Qual é o valor aproximado total de seus investimentos? (Não sabia se ria ou chorava nesse momento….)

Também vai ser preciso saber o valor da rentabilidade líquida anual obtida por seu s investimentos conservadores (lá vem ele com essa de novo…).

Só pra ficar claro a Rentabilidade Líquida é obtida após o pagamento dos custos do investimento, ou taxas de administração de um fundo, o Imposto de Renda devido no resgate e a taxa de inflação do período. Em geral costuma ficar entre os 3% e 6% ao ano, para facilitar, para quem não conseguir chegar a esta informação (Eu).

O seu desempenho financeiro vai depender do cálculo dos seguintes índices, que vamos aprender a calcular agora:

1) Patrimônio Mínimo de Sobrevivência (PMS)

Este é um patrimônio que deverá ser usado em um caso extremo, como desemprego, problemas de saúde na família, problemas nos negócios. É o que irá garantir que você consiga dar um rumo à sua família durante esse período emergencial.

O PMS deve ser constituído apenas por investimentos de liquidez, que não estejam em uso familiar, seu carro e casa não contam neste cálculo. Caso seu único patrimônio seja de bens em desfrute foram adquiridos de maneira precoce e são o principal fator de risco de sua vida financeira.

O PMS deve ser constituído por uma reserva equivalente a seis vezes o Gasto Mensal Médio de sua família.

PMS = 6 x (Gasto Mensal Médio)

Supondo um gasto mensal de R$ 5.000,00, teremos um PMS de R$ 30.000,00, por exemplo.

Recomendação do autor: se você não tem uma reserva financeira equivalente a seu PMS, deve priorizar a criação dessa reserva acima das demais escolhas. Vale trocar o carro por um mais barato, vender bens com pouco uso ou até mesmo vender a casa e comprar uma mais barata.

2) Patrimônio Mínimo Recomendado para sua segurança (PMR)

Para estar seguro e livre para decisões mais ousadas em sua carreira, negócios ou investimentos e manter a consciência mais tranquila, é preciso ter um lastro para manter sua por vários meses. Esse lastro deve ser constituído por investimentos de líquidez e não por bens de consumo da família. E deve representar uma reserva de no mínimo 12 vezes o seu Gasto Mensal Médio, caso você seja um profissional assalariado, com boa formação profissional e facilidade recolocação no mercado. Caso não atenda esses requisitos a reserva deve ser equivalente a 20 vezes o seu Gasto Mensal Médio.

PMR = 12 x (Gasto Mensal Médio)

PMR = 20 x (Gasto Mensal Médio)

Usando o mesmo exemplo anterior, temos um PMR entre R$ 60.000,00 e R$ 100.000,00. (Cifras alucinantes para mim)

Recomendação do autor: caso você já tenha reservas equivalentes ao Patrimônio Mínimo de Sobrevivência (PMS), não precisa priorizar a constituição do PMR acima das demais escolhas. Porém, sua constituição deve estar entre seus objetivos de médio prazo, vindo antes de férias, troca de casa ou carro e, principalmente, antes de iniciativas de montar um negócio próprio.

3) Patrimônio Ideal para a sua idade e sua situação de consumo (PI)

Uma das teorias mais simples e utilizadas entre consultores financeiros mundo afora é a que sugere que, para estarmos no caminho certo de formação patrimonial, devemos ter acumulado 10% de nosso gasto familiar anual para cada ano de vida.

PI = 10% x (Gasto Médio Anual) x Idade
PI = 10% x 12 x (Gasto Médio Mensal) x Idade

Para o exemplo utilizado anteriormente, e considerando sua idade 35 anos:

PI = 10% x 12 x 5.000,00 x 35 = R$ 210.000,00

Logo o Patrimônio Ideal seria de R$ 210.000,00 investidos em ativos de liquidez, que possam ser movimentados para outros investimentos.

Recomendação do autor: caso seu patrimônio seja inferior ao PI, você deve reduzir os objetivos de consumo e acelerar os objetivos de poupança, a fim de diminuir gradativamente o atraso.

4) Patrimônio Necessário para a Independência Financeira

É o indicador de situação patrimonial ideal para você nunca mais precisar trabalhar na vida, que supõe que os gastos anuais familiares devem ser totalmente cobertos pelos rendimentos líquidos de investimentos conservadores. O PNIF é calculado da seguinte maneira:

PNIF = (Gasto Médio Anual da Família)/Rentabilidade Líquida Anual de Investimentos

Supondo os dados utilizados nos exemplos e rendimentos anuais de 8%:

PNIF = 12 X (Gasto Médio Mensal)/8%
PNIF = 12 x 5.000,00/8% = R$ 750.000,00

Bom pessoal é isso aí, vamos começar constituir esses Patrimônios e quem sabe daqui uns anos teremos alcançado nosso PNIF, e a liberdade de só aproveitar cada centavo, sem trabalhar mais, esse é o objetivo. Recomendo a leitura do livro, o autor é muito simples e o livro não é chato, além de demonstrar como cria sua tabela de controle de gastos e outras ferramentas interessantes, pretendo postar mais coisas sobre este livro e outros do mesmo autor. Obrigado pela leitura e boa sorte!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s