Aprenda o que são Operações de Renda Fixa e qual o melhor momento para se investir nelas

Olá pessoal! Hoje vamos falar de Operações de Renda Fixa, que você certamente já deve ter ouvido falar. Vamos ver o que são essas operações, quais os tipos de Operações de Renda Fixa, seus principais emissores e títulos.

Operações de Renda Fixa

Operações de renda Fixa são operações com valores ou taxas a receber previamente estabelecidos. De maneira geral, o investidor empresta o seu dinheiro para um banco, para o governo ou para uma empresa, e receberá juros, referentes àquele período em que seu dinheiro ficou emprestado.

As Operações  de Renda Fixa podem ser pré-fixadas, onde o investidor sabe exatamente o valor que irá receber ao fim da operação, ou pós-fixadas, onde o investidor sabe previamente quais indicadores serão utilizados no cálculo do juros, porém o valor a ser recebido irá depender do desempenho destes indicadores, durante o período em que o dinheiro estiver investido.

Operações de Rentabilidade Pré-fixadas

A taxa de juros e o valor a ser resgatado no vencimento são definidos no início da operação. Por exemplo: uma aplicação de R$ 1.000,00 por 3 meses, com um total de 65 dias úteis, com taxa de  juros definida de 10% a.a. (ao ano), utilizando para o cálculo 252 dias úteis no ano, teremos:

Valor de Resgate = Aplicação x (1+ taxa)prazo

VR = 1.000 x (1+10%)65/252

VR = 1.000 x (1,1)0,2579

VR = 1.000 X 1,024885

VR = R$ 1.024,88

A Operação de Rentabilidade Pré-Fixada é recomendada quando a economia está estável,ou quando existe uma previsão de queda na taxa de juros do país, já que, no caso, de uma alta da taxa de juros o investidor deixa de ganhar a diferença, ficando apenas com a taxa pré-estabelecida.

Operações de Rentabilidade Pós-Fixada

Nas Operações de Rentabilidade Pós-Fixadas são utilizados um indexador, para cálculo do valor de resgate. O indexador é estabelecido de acordo com o tipo de operação, e é de conhecimento do investidor desde o início da operação.

Costumam ser utilizados como indexadores o CDI, a Selic Diária ou o IPCA. Existem casos do valor a ser calculado, com base em um indexador e uma taxa pré-fixada. Por exemplo: IPCA + 6% a.a..

Recomendadas para períodos de indefinição ou estresse da economia, além de períodos de previsão de alta da taxa de juros e inflação.

Emissores de Títulos de Renda Fixa

Existem três tipos de instituições que emitem Títulos de Renda Fixa:

Os bancos – o principal título emitido é o CDB (Certificado de Depósito Bancário);

O governoLetra do Tesouro Nacional (LTN), Letra Financeira do Tesouro (LFT) e Notas do Tesouro Nacional (NTN);

As empresas – emitem os commercial papers e debêntures, principalmente.

 

Instituição Pré-Fixada Pós-Fixada
CDI/Selic Índice de Preços
Bancos CDB-pré CDB-DI CDB-IGP-M

CDB-IPCA

Governo LTN

NTN-F

LFT NTN-B

NTN-C

Empresas Commercial paper Commercial paper

Debênture

Commercial paper

Debênture

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s